PUBLICIDADE
Grupo brasileiro declara lealdade ao Daesh pela primeira vez na América Latina
19/07/2016 - 19h48 em Brasil

Um grupo extremista muçulmano brasileiro declarou apoio à organização terrorista Daesh (Estado Islâmico) através de um canal do aplicativo de mensagens Telegram, informou nesta segunda-feira (17) a organização que monitora atividades ligadas aos jihadistas na internet, SITE Intel Group.

De acordo com esta entidade, o grupo brasileiro, que se auto-denomina Abu Bakr al-Baghdadi, usou o seu canal no Telegram para promover propaganda do Daesh e jurar lealdade ao seu líder Abu Bakr al-Baghdadi.

Numa das mensagens, o grupo teria dito que “se a polícia francesa é incapaz de impedir ataques na França, então o seu treinamento para a polícia brasileira tampouco irá servir [para impedir ataques no Brasil]”.

Vale lembrar ainda que, no âmbito dos preparativos para a segurança dos Jogos Rio 2016, policiais brasileiros receberam treinamento de agentes da unidade da polícia francesa responsável pelas ações antiterrorismo na França (RAID).

 

SITE destacou ainda ter sido este o primeiro caso de apoio abertamente declarado ao Daesh na América Latina. Além disso, chama a atenção o fato de a lealdade ter sido anunciada às vésperas dos Jogos Olímpicos no Rio e pouco tempo depois da abertura no Telegram da versão brasileira do grupo "Nashir" – uma conta para a troca de informações sobre o Daesh.

(Fonte Sputnik)

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!