PUBLICIDADE
Funcionários públicos de Tóquio teriam ignorado problemas no mercado de Toyosu
13/09/2016 - 11h48 em Japão

Funcionários antigos e atuais do governo metropolitano de Tóquio aparentemente sabiam que estavam informando incorretamente a população sobre as medidas para combater a poluição do solo em um novo mercado atacadista da capital. No entanto, eles não tomaram qualquer atitude.

Uma investigação interna continua após revelações de que o local em Toyosu não foi completamente coberto com solo limpo após a remoção de uma camada contaminada.

Especialistas recomendaram medidas para lidar com a contaminação por produtos tóxicos de uma usina de gás que ficava no local. A investigação revelou que um departamento da cidade, responsável pelo trabalho, decidiu por conta própria deixar os espaços abaixo dos edifícios principais vazios, não preenchendo-os com solo limpo conforme recomendado.

O departamento continuou a divulgar imagens enganosas no site do governo de Tóquio, mostrando os edifícios sobre solo limpo.

Investigadores descobriram que a situação era do conhecimento de funcionários de alto escalão do departamento, incluindo chefias atualmente nos cargos, mas foi ignorada.

A mudança do histórico mercado atacadista de Tsukiji, em Tóquio, para Toyosu estava programada para novembro. A governadora de Tóquio, Yuriko Koike, adiou a transferência, mencionando preocupações com a segurança, problemas na divulgação de informações, além de outros motivos.

(Fonte NHK)

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!